08/01/2015

Ainda gosto dele ...

  E eu ficava imaginando o momento em que estaria lendo um livro à sombra de uma árvore, e escutaria barulho de cascos. Me levantaria em um sobressalto, e logo avistaria um cavalo branco vindo em minha direção. Em cima dele estaria um príncipe, mas não qualquer um, e sim o meu amado príncipe. Ele pediria desculpas, diria que não consegue viver sem mim, e essa linda cena terminaria em um apaixonado beijo entre nós.
 Dizem que não tem problema sonhar, devanear, que até faz bem. Mas não sei se nesse caso isso é tão certo. Eu imaginava essa cena várias vezes por dia, na cama, no banho, comendo, mas nada disso aconteceria, nem nada parecido. Tudo isso, na verdade, estava me fazendo muito mal.
 Ele não aparecera mais depois daquele fatídico dia do término. Só disse que precisava de um tempo,  meio sem mais nem menos, e puft, sumiu.
 Eu ainda não entendo o que aconteceu. As coisas pareciam estar se encaixando. Nós já namorávamos há quase um ano, e já estávamos planejando nosso noivado. É claro que percebi que ele não andava mais querendo conversar sobre isso, e disfarçava, empurrando outros assuntos na nossa conversa. Foi a única pista. Mas eu só achei que ele ainda não estava pronto pra ter uma responsabilidade mais séria, o estágio anterior do casamento. Não desconfiei em nenhum momento que tudo estava tão perto do fim.
 No começo eu chorei, xinguei-o de cavalo, cachorro, burro e outros animais, pra não perder minha inocência com palavras mais duras. Chorava muito nas primeiras noites pensando que não haveria mais um "nós" e todo o futuro que tinha planejado e sonhado, até que chegou um dia e falei pra mim mesma que ele não merecia minhas lágrimas. Não chorava mais, mas a raiva continou.
 Mas, diferente do que eu esperava, quando a raiva passou, não foi só a mágoa que ficou, mas uma certa paixão começou a ascender novamente. Não queria confessar, mas não tem como eu esconder o que sinto de mim mesma: eu ainda gosto dele.
 Hoje fico imaginando o momento da nossa volta, e às vezes que chamo de boba, e penso em novas pessoas na minha vida. Acredito que seja possível esquecê-lo, e ainda confio nessa chance de um novo amor pra mim. Só quero que tudo isso termine, que esse sentimento que antes era lindo, e hoje me faz sofrer, suma da minha vida para sempre, assim como ele.
-Texto fictício-

44 comentários:

  1. Amei o texto *-* Super bem escrito, podia ter uma continuação onde eles se resolvem e voltam a ficar juntos, né? :)

    ~September Rains

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, mas acho meio difícil eles voltarem, rsrs.♥

      Excluir
  2. Um termino é sempre triste, mas tem coisas que não eram pra ser então simplesmente acontecem acho que é apenas o destino agindo, talvez não era pra ser ele e sim outra pessoa que virá lá na frente </3 Amei o texto

    Beijos ~
    c-ontagiousblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Também esperava pelo príncipe no cavalo branco. Quando ele voltaria todo arrependido, dizendo que não deveria ter partido. Mas eles nunca voltam. Termino de namoro tem que ser sempre tão triste?
    Adorei o texto.
    Beijos,
    cabanadosanjos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Adorei o texto, término de namoro é assim mesmo...
    www.iamcamilakellen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Ai ai como eu amo seus textos laurinha sempre me fazendo refletir...
    Beijokas

    estilodesobrababy.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Adorei o texto. E de certo forma é assim mesmo que nos sentimentos após encarar a realidade, afinal de contas, uma cena de amor encantado, digna de filmes, não costuma acontecer com meros mortais como nós e toda a humanidade. :/, infelizmente.

    http://acessopermitidoblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Que textinho lindo.*-* passei por isso quando acabou o meu antigo namoro,mas agora já estou amando de novo e estou muito feliz.
    beijox
    http://vinteanoos.blogspot.com.br
    xx

    ResponderExcluir
  8. Laura, você escreve muito bem! Sou uma pessoa bem sonhadora, romântica e quem nunca pensou em encontrar (Ou, no caso, reaver) um príncipe encantado? Acredito que o fato de eu ler muito alimente ainda mais este tipo de pensamento, mas eu sei diferenciar o real do fictício, então, no meu caso, acredito eu esteja no tópico "Até faz bem" hahah Beijos e tenha uma ótima quinta! :D
    http://maluquice-de-garota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada linda. É, acho que estou nessa também.♥

      Excluir
  9. adorei o textinho! Lindo, lindo (:
    escreveu mt bem!

    www.blogamorarosa.com

    ResponderExcluir
  10. Que lindo o texto. Mas é bem assim, a gente fica imaginando coisas que provavelmente não vão acontecer e no fim não fazem bem pra gente /:
    fashionemcores.com

    ResponderExcluir
  11. que texto lindoo está de parabéns escreve muito bem
    beijos http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Lindo texto Laura! Tão sincero... amei de verdade...

    bjs

    http://joandersonoliveira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Gostei bastante do texto e o pior é que muitas vezes, é assim que encaramos a realidade de um fim de relacionamento.
    Quando eu li a parte sobre o cavalo branco só consegui pensar na minha melhor frase "do príncipe do cavalo branco, só chega o cavalo e é um pônei marrom" ahuahuha

    queissobela.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pior é quando ele é o próprio cavalo mesmo, rsrs.♥

      Excluir
  14. Seus textos são lindos, sei que no futuro você vai escrever um livro com todas essas crônicas lindas ou com uma história maravilhosa!

    Beijos
    http://pimentasdeacucar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Que texto lindo Laura. E um pouco realista, eu pensando em um final feliz e acaba sendo um final que logo será feliz e melhor. Gosto tanto dos seus textos, parabéns <3
    Beijoos ♥

    eieusouamah.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Ai, que texto lindo, Laurinha! Eu me identifiquei com o nome do texto, mas não com a situação em si! Fiquei com dó da garota e fiquei curiosa para saber o que fez ele mudar de ideia... acho que já posso imaginar! :( Parabéns pela escrita! <3 Beijos <3 http://gostosdeadolescentes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Amei muito o texto! Já ganhou seguidora. Retribui?? Beijos!
    b-lackfantasy.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Nossa que triste e ao mesmo tempo esse texto, em um momento se parecia feito um pelo outro e em outro ele esfriou gostei do texto de verdade
    Olha tem post novo, poderia me visitar?
    magrafelizpensa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Gostei muito do texto Lau, infelizmente hoje dia em dia isso acontece tanto né, uma hora parece tudo tão perfeito e outra hora nem existe mais, enfim, parabéns!

    Bom, falando sobre a gastrostomia, que é o cano na barriga kk, pois é, acho que em breve faço um vídeo mostrando como é, e falando sobre a sensação de ter um cano na barriga rs, bom minha linda quero agradecer sempre pelo carinho, gosto muito de você, tenho um carinho especial por ti, estou internada de novo, mais creio que Jesus vai dar vitória, um super beijo e fica com o Pai.

    http://nathalianatth.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada fofa,♥
      Ah, quero ver esse vídeo mesmo Nathy. Ah, pois saiba que esse carinho é recíproco.♥

      Excluir
  20. amei o texto, to nessa também :c
    lunasouza.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom que gostou, e espero que saia dessa logo.♥

      Excluir
  21. Adorei o texto, super realista do tipo "com os pés assentes na Terra". Muitos parabéns, tens muito talento. Já sigo para poder ler mais textos lindooos como estes :)
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  22. Amei !!!
    Lindo texto,continua escrevendo ele
    :)
    http://reflexoesdaminhamentedoida.blogspot.com.br/2015/01/liberdade.html?m=1

    ResponderExcluir
  23. Ain, não sei, acredito que a estória dos dois tenha acabado mesmo.♥

    ResponderExcluir